‘Primeiro, a gente tira a Dilma e o PT. Depois… relaxa que o país é nosso’

Em novo artigo em seu blog, o jornalista Leonardo Sakamoto critica duramente a seletividade da Justiça no Brasil, em prol dos tucanos e contra o PT, e os privilégios dos juízes.


“Sabe aquela história de ”primeiro, a gente tira a Dilma, depois tira o resto?” Mentira. E muitos caíram nela. Feito patinhos que seguiam um patão amarelo”, ironiza.

“Instituições foram esgarçadas para que o impeachment coubesse nas necessidades do poder econômico e da velha política. E seguem sendo esgarçadas quando a dureza da lei é aplicada apenas a um lado da história, enquanto o outro continua fazendo o que quer.

Mas agora com a sensação de liberdade plena lambendo suas faces”, afirma Sakamoto.


“Cidadãos que afirmam lutar contra a corrupção deveriam ser os primeiros a ir contra privilégios pagos com recursos públicos. Mas parte da sociedade não se importa e defende que deva existir uma casta diferenciada formada por pessoas que conquistaram o direito de terem privilégios perante a lei”, diz ainda.

Leia aqui a íntegra.