Para OAB, Senado “debocha” da sociedade ao arquivar cassação de Aécio

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Claudio Lamachia (foto), fez duras críticas à decisão do presidente do Conselho de Ética do Senado, senador João Alberto (PMDB/MA), de arquivar a representação que pedia a cassação do mandato do senador afastado Aécio Neves (PSDB/MG).


Continue lendo “Para OAB, Senado “debocha” da sociedade ao arquivar cassação de Aécio”

São 11 Ministros no STF, mas dos 7 inquéritos de Aécio, 3 foram sorteados para Gilmar

Eduardo Guimarães, Blog da Cidadania – Está ficando claro para todos os brasileiros como a Justiça trata políticos de forma diferente de acordo com a filiação partidária de cada um. O caso mais emblemático é o de Aécio Neves. Há pouco mais de um mês, o país ouviu, estarrecido, o tucano confessar vários crimes. Qualquer pessoa nessa situação teria sido presa em flagrante. Mas Aécio não é qualquer pessoa.


Continue lendo “São 11 Ministros no STF, mas dos 7 inquéritos de Aécio, 3 foram sorteados para Gilmar”

Brasil à beira do precipício. Apenas o povo pode virar esse jogo

Somente sobre alguns jogadores no momento.

Temer é jogador, está jogando em manter o mandato de Aécio, e com essa jogada evita que o PSDB se posicione a favor do Impeachment, que seria sua expulsão de campo.


Continue lendo “Brasil à beira do precipício. Apenas o povo pode virar esse jogo”

Moro atropela lei brasileira para atender pedido da polícia dos EUA

Por  – O Juiz Sérgio Moro determinou em 2007 a criação de RG e CPF falsos e a abertura de uma conta bancária secreta para uso de um agente policial norte-americano, em investigação conjunta com a Polícia Federal do Brasil. No decorrer da operação, um brasileiro investigado nos EUA chegou a fazer uma remessa ilegal de US$ 100 mil para a conta falsa aberta no Banco do Brasil, induzido pelo agente estrangeiro infiltrado.


Continue lendo “Moro atropela lei brasileira para atender pedido da polícia dos EUA”

O único crime político hediondo no Brasil é a “pedalada fiscal”. Todos os outros são permitidos

O título e a reflexão abaixo é inspirado em um tweet de Paulo Coelho que você pode ver aqui.

Desde que Mário Covas chegou ao governo paulista, o PSDB botou o pé no erário e não largou mais. No Governo FHC, as mutretas eram tantas e públicas que cita-las todas levaria pelo menos 45 anos.


Continue lendo “O único crime político hediondo no Brasil é a “pedalada fiscal”. Todos os outros são permitidos”

Juiz Sérgio Moro precisa explicar sua conduta no ‘Caso Banestado’ para ter legitimidade

O enredo deste conto nada infantil retrata a história de um juiz que fez na Lava Jato tudo o que não fez no Banestado.

Era uma vez um juiz chamado Sérgio Moro que julgou os processos do Banco do Estado do Paraná (Banestado). Assim como na Lava Jato, o caso do Banestado teve uma força-tarefa, investigadores, procuradores, delatores, grupos empresariais e empreiteiras.


Continue lendo “Juiz Sérgio Moro precisa explicar sua conduta no ‘Caso Banestado’ para ter legitimidade”

Ex-ministro expõe a ilegalidade e o ridículo das palestras de Dallagnol

Do Jornal GGN – Sobre palestras e a apropriação do público pelo privado. Por Eugênio José Guilherme de Aragão

Credores têm melhor memória do que devedores (Benjamin Franklin).


Continue lendo “Ex-ministro expõe a ilegalidade e o ridículo das palestras de Dallagnol”

O Nazista legal, e nossas “Frases de Estimação”

Acredite, mas existe o Nazista legal, e geralmente ele é nosso amigo, ou, se não muito amigo, pelo menos alguém cujo convívio é tão divertido que é válido brincar com sua própria ideologia de vida.


Continue lendo “O Nazista legal, e nossas “Frases de Estimação””

Os ministros estão nus: surdez seletiva escancara farsa pública do TSE

The Intercept Brasil – APESAR DA ENXURRADA de provas, Michel Temer sai impune do julgamento no Tribunal Superior Eleitoral e poderá continuar com sua brilhante atuação presidencial. O desfecho até que era previsível. O que se poderia esperar de sete figuras de capa preta reunidas num porão para julgar a vampiresca figura de Conde Temer?


Continue lendo “Os ministros estão nus: surdez seletiva escancara farsa pública do TSE”

Comentário do ministro Admar Gonzaga é a prova de que a nossa Justiça é um circo

O ministro Herman Benjamin, relator do processo que pede a cassação de Michel Temer, disse que não seria possível que os candidatos não tivessem conhecimento de montantes dinheiro entrando na conta corrente.